Programa de computador prevê até 5 minutos do futuro

Cientistas desenvolveram um programa de computador que pode prever até 5 minutos “do futuro”.

Na Universidade de Bonn, na Alemanha, Yazan Abu Farha e seus colegas criaram um programa de autoaprendizagem que pode estimar com uma precisão impressionante o tempo e a duração de atividades futuras. Pra ser mais preciso, atividades de cerca de 3 minutos são previstas com uma precisão impressionante, já as de 5 minutos têm uma precisão aceitável.

Para isso acontecer, o programa primeiro aprende uma sequência típica de ações, como cozinhar, assistindo sequências de vídeos. Com base no aprendizado, ele então prevê o que o cozinheiro irá fazer em determinados momentos.

Segundo professor Jurgen Gall, orientador do trabalho, o objetivo é prever o tempo e a duração das atividades, minutos ou horas antes que elas aconteçam.

A partir daí, um robô assistente poderia passar os ingredientes quando fossem necessários, pré-aquecer o forno no momento correto, e também avisar o cozinheiro que ele pode estar prestes a esquecer um passo a preparação ou um ingrediente.

A vantagem de um robô ou computador em relação a um humano, é que ele não se entedia e aprende as coisas muito rapidamente. Por isso, foram utilizados 40 vídeos de cerca de 6 minutos cada para treinar o prgrama. Em todos, os cozinheiros preparavam diferentes saladas, realizando uma média de 20 ações diferentes.

“Assistindo” os vídeos, o algoritmo aprendeu como as ações se encadeiam e quanto tempo cada uma delas dura. A maior dificuldade se dá no fato de cada cozinheiro ter seu próprio modo de agir, e das receitas terem uma diversidade de sequências.

Para testar se o programa realmente havia aprendido a preparar saladas, a equipe o confrontou com vídeos que ele não havia visto antes. Depois de assistir entre 20 e 30% do vídeo, o programa devia prever passos que aconteceriam durante o resto do filme.

Para períodos de previsão curta, o programa foi cerca de 40% preciso, já para períodos mais longos, a precisão caiu para 15%. Vale ressaltar que os pesquisadores só deram o prognóstico como correto quando tanto a ação quanto seu tempo de duração foram corretamente preditos pelo programa.

No Comments Yet.

Leave a comment