Entenda a diferença entre os padrões de cor RGB e CMYK

Ao criar um documento em um programa de design gráfico, como Photoshop, Illustrator e CorelDRAW, você já deve ter percebido que existe a opção de modo de cores, e pode ter se perguntado qual a diferença entre os padrões RGB e CMYK.

Essa dúvida é comum, levando em consideração que, visualizando no monitor, a diferença pode ser mínima, e em ambos os modos, você cria artes coloridas. Então, qual a diferença entre ambos?

Vamos começar falando do RGB, que corresponde às cores Red (vermelho), Green (verde) e Blue (azul). Este padrão deve ser utilizado quando o objetivo for criar uma peça para ser visualizada em computadores, televisões e dispositivos móveis, como smartphones e tablets.

Padrão RGB

Já o padrão CMYK, que corresponde às cores Cian (ciano), Magenta (magenta), Yellow (amarelo) e Black (preto), costuma ser utilizado em peças que serão impressas, como jornais, revistas e folhetos.

Padrão CMYK

Não significa que, se você criar uma arte em RGB e imprimi-la, a impressão vai apresentar algum problema, as cores apenas serão diferentes da forma que você visualizou na tela do PC.

Falando em visualização, nos programas citados, é possível notar a diferença entre as cores. Se você criar um documento em RGB, vai perceber as cores bem vivas, já em CMYK, elas ficam mais opacas, simulando uma impressão.

Para perceber bem a diferença, faça um teste, crie arquivos em diferentes padrões de cor e entenda como eles funcionam.

No Comments Yet.

Leave a comment